Witches Town mostra heavy metal com influências do death em “Black Pestilence”

A Witches Town é uma banda catarinense formada em 2018 por Bruno Baldessari, que passou por diversos gêneros em outras bandas como death metal progressivo, thrash e crossover.

Mais tarde, decidiu apresentar um heavy metal com influências do death metal no que viria a se tornar a Witches Town.

Para essa jornada ele recrutou o guitarrista Vinicius Henrique, o baixista Wellington Conte e o baterista Rafael Rau.

Estabelecido como quarteto a banda passou os anos de 2019 e 2020 gravando seu primeiro álbum, “Black Pestilence”, que está sendo lançado agora nas plataformas digitais. “Foi muito gratificante trabalhar com esse álbum junto de Rafael Rau, que além de ser o baterista da Witches Town, também foi o cabeça na mixagem do álbum, eu não poderia esperar resultado melhor”, comentou o frontman Bruno Baldessari. Ouça o álbum “Black Pestilence” aqui.

O disco conta com oito faixas, comentadas pela banda abaixo:

1. Let Me Out of This Place
Mostra a visão de uma pessoa, mentalmente instável, abandonada em um sanatório, que não consegue lembrar de como chegara ali, incapaz de saber o que é real, ou ao menos que se acaso consiga escapar, haverá para quem voltar.

2. Scream in the Silence
A letra é uma narrativa, na qual o personagem principal sofre de terror noturno, nessa ocasião algo diferente aconteceu. Em uma noite fria, quando as velas já chegavam ao seu fim, o mesmo percebeu uma sombra observando da escuridão, uma entidade que deseja apanhá-lo, alimentando-se do desespero enquanto imóvel, seguindo uma noite que parece não ter fim.

3. Died so Young
A música descreve uma carta, basicamente um testamento, com pedidos de redenção e desculpas, justificativas de fracassos e sobre o por que tudo chegou ao fim.

4. Stranger to Myself
Desenrola a história de um indivíduo que acorda com amnésia, não conseguindo reconhecer a si mesmo no espelho, tenta traçar um caminho de volta a suas memorias, descobrindo o quão conturbado era seu passado até esse momento, que seria melhor nao ter tentado lembrar.

LEIA MAIS  Saiba como Rammstein inspirou o vídeo "The Writing on the Wall" do Iron Maiden

5. Hold Me I’m Losing My Head
A letra é uma história em primeira pessoa, que conta um fim de vários amores mal respondidos que acabaram deixando o protagonista desacreditado, até que apareceu uma garota, a qual foi como um sopro de luz na escuridão, mas tanto bem, causou dependência psicológica, se ela não o segura, ele perde a cabeça novamente.

6. Black Pestilence
Uma música de época, retrata o período onde a peste negra se alastrou, causando pânico nos religiosos que achavam que fosse uma punição divina, os gritos de dor ecoaram mais alto que as orações. Foram esquecidos por deus.

7. The Witches Town
Uma história na qual, uma cidade julga uma mulher com a acusação de bruxaria, porém a execução não sai como esperado, algo acontece com o tempo, algo muda a história, a cidade acaba se tornando a cidade das bruxas.

8. Whispering My Name
Tudo parece ter acabado entre esse casal, uma narrativa que parecia sobre conselhos de fim de um romance, quando na verdade não acabara o amor, e sim um deles teria morrido, e no sonho, tudo que um deles falava eram palavras para o outro seguir em frente, sabendo que sempre estaria lá, quando sussurrasse seu nome.

Witches Town é formada por:
– Bruno Baldessari (Vocais e Guitarra)
– Vinicius Henrique (Guitarra)
– Welingtton Conte (Baixo)
– Rafael Rau (Bateria)

Links:
– Vídeo clipe “Scream In The Silence”: https://www.youtube.com/watch?v=lpjrNVYHFTc
– Facebook: https://www.facebook.com/witchestownband
– Instagram: ​https://www.instagram.com/witchestownmetal
– Spotify: https://open.spotify.com/artist/3K7Nya5dGWgbE2PuS9QkZn

FONTE: Nightfall PR

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários