Uma criatura marítima recém descoberta recebeu nome de Metallica

1º de Março de 2020

Finalmente aconteceu, pessoal: o Metallica realmente conseguiu. Esqueça os milhões de álbuns vendidos e o sucesso incrível nos últimos 40 anos – a banda acaba de alcançar sua maior conquista: um crustáceo do fundo do mar recém-descoberto recebeu seu nome. Já era tempo, não é mesmo?

De acordo com o Phys.org, os heróis do metal foram homenageados pelo pesquisador de Senckenberg, Dr. Torben Riehl, e seu colega Dr. Bart De Smet, da Universidade de Ghent, na Bélgica, com Torben descobrindo a criatura “semelhante a um verme” no norte do Pacífico e decidindo chamar de Macrostylis metallicola, a partir de uma de suas bandas favoritas.

“A música poderosa do Metallica me acompanhou a maior parte da minha vida”, diz Torben. “Músicas como Master of Puppets e One são obras de destaque na história do rock e estou emocionado por poder retribuir algo à banda nomeando uma nova espécie em homenagem a elas!”. Compreensivelmente, a banda em si estava igualmente entusiasmada com as notícias, postando:

“Tocamos nos sete continentes, chegamos ao Hall da Fama do Rock & Roll e agora… somos um crustáceo! O pesquisador de Senckenberg, Dr. Torben Riehl, e o Dr. Bart De Smet, da Universidade de Ghent, na Bélgica, descobriram uma nova espécie de crustáceo nas profundezas do norte do Oceano Pacifica e decidiram nomeá-lo a partir de uma banda de rock… Bem-vindo ao nosso mundo Macrostylis metallicola!”.

LEIA MAIS  Floor Jansen estreia cover de metal de "Let It Go", do filme Frozen

“Primeiro, nome espetacular, Dr. Riehl. Segundo, que honra! O Dr. Riehl não apenas nomeou sua descoberta, sendo fã desde a infância, mas a ‘Coisa Que Não Deveria Ser’ tem algumas coisas em comum conosco. A criatura semelhante a um verme mora na escuridão completa, não tem olhos e é incolor. Ela também vive entre nódulos metálicos contendo elementos de cobalto, cobre, manganês, níquel e terras raras. Então, basicamente, vive em um estádio de rock? Esse é um crustáceo de metal!”.

FONTE: https://www.kerrang.com/

DEIXE SEU COMENTÁRIO: