Tom Morello comenta sobre o “Trump for President” no videoclipe do RATM

Tom Morello, em tom de brincadeira, se desculpou por ser “carmicamente inteiramente responsável” por Donald Trump se tornar presidente.

Em entrevista à revista Interview, o guitarrista foi questionado sobre o vídeo icônico do Rage Against The Machine ‘Sleep Now In The Fire’, no qual um homem segura um cartaz lendo ‘Donald J. Trump para presidente 2000’ (tendo em mente que a promoção foi lançada 20 anos atrás). Depois que o jornalista disse: “Você diria, de alguma forma, que Rage Against the Machine previu tudo isso?”, Tom brinca que: “Eu diria que somos carmicamente inteiramente responsáveis, e minhas desculpas”.

Desse vislumbre surpreendente (mas completamente não intencional) para o futuro, o músico continua que o diretor Michael Moore imprimiu placas e as distribuiu, e “Ninguém prestou atenção nisso. É engraçado como isso se tornou uma piada improvisada. Uma piada improvisada seria uma boa hashtag para 2020”.

LEIA MAIS  Bruce Dickinson gravou o novo álbum do Iron Maiden de muletas

Lembrando o vídeo como um todo e Rage fechando a Bolsa de Valores de Nova York naquele dia, Tom acrescenta: “Em retrospecto, parecia uma vitória histórica contra o mal, mas no dia parecia tão caótico porque nosso diretor estava na cadeia. Deveríamos filmar um vídeo naquele dia e pensamos, ‘perdemos o diretor. Bem, nós meio que fechamos a Bolsa de Valores, mas vamos voltar para o hotel?’. Mas, no final do dia, foi uma coisa histórica bem espetacular que fizemos rock n’ roll. Eles não os fazem mais assim”.

FONTE: https://www.kerrang.com/

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários