THREE DAYS GRACE – Life Starts Now, 2009

Dentre os sub-gêneros roqueiros, sempre preferi e gostei de ouvir o punk rock, o hard core e o new metal. Desse último, uma das minhas principais influências, os canadenses do Three Days Grace, lançaram em Setembro/2009 o 3º álbum de estúdio da carreira, Life Starts Now.

É um álbum que eu definiria como “meio a meio”. Por um lado, mostra que a banda seguiu a “ordem natural”, e evoluiu com o tempo, deixando de ser uma banda adolescente e amadureceu em suas composições (da mesma forma como aconteceu com Green Day, Offspring, e que até também rolou com Blink 182, antes do seu término). Letras de revolta e inconformismo, tipo “I hate everything about you” e “Home”, quase não existem por aqui – pelo contrário, a faixa-título é muito mais um esporro & um puxão de orelha, rs!

Por outro lado, é estranho. Todas as marcas da banda estão presentes: estilo próprio, músicas curtas, um lado instrumental pesado (com destaque até para o baixo), o vocal por vezes furioso de Adam Gontier etc. Músicas pesadas, tem quase no álbum todo. Mas faltam músicas impactantes, que chamem a atenção de cara, à primeira audição, como foram “I hate everything about you”, “Just like you” e “Home”, do Three Days Grace (2003), ou “Never too late”, do \One-X\ (2006), ou até mesmo a parceria de Adam com o Apocalyptica, em “I don’t care”, do álbum Worlds Collide (2007).

LEIA MAIS  EPICA - Omega

É por isso que eu acho que a escolha da faixa “Break” como 1º single (e por enquanto único) de divulgação do Life Starts Now foi meio equivocada. Me entendam, não é uma música ruim (não, pelo contrário, é dinâmica, é furiosa, é f…), mas digamos que é umas das mais ‘leves’ do álbum, se comparada com “The good life” ou “No more”.

“Lost in you” e “Last to know” são as ‘rock ballads’ por aqui. A 1ª perfeita, uma das canções mais lindas que eles já fizeram. A 2ª não me convenceu, parada até demais, apesar de uma breve evolução, perto do seu final. Por falar em evolução, os melhores 5 min do álbum para mim são os da faixa “Someone who cares”. Essa é para ouvir no volume máximo, rs! Destaco também “Bitter taste”, “World so cold”, “Without you” e a faixa-título.

Atualmente, segundo o Myspace da banda, eles estão em turnê americana, com shows marcados até Junho/2010, mais ou menos.

Autor: Victor “Montanha” Vieira

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários