THORN – Janeiro 2010

Se a imagem de uma música pode ser observada através das vibrações das ondas sonoras, porque não dizer que a iconografia da banda Thorn figura exatamente por ali? Dos hits encorpados do heavy metal, o grupo experimenta desde as notas siderais dos britânicos do Judas Priest até os rifs poderosos dos norte-americanos do Pantera. E as influências não param por aí. Há muita personalidade na música idealizada por Fernando Campos (guitarra). Reconhecido como um dos maiores – e mais promissores – produtores do mercado carioca.

A pegada pode até ser inspirada em clássicos como Iron Maiden ou Deep Purple, mas a sonoridade plural se traduz num jogo entre  personalidade e apocalipse: jovem, contemporânea, voraz, cartástica. Não à toa, a banda conquistou até os exigentes mercados norte-americano e europeu. Pura originalidade.

Foi durante as gravações do disco “The Final Solution”, em 2006, que Fernando conheceu Rodrigo Rossi (voz), dando forma à primeira base do Thorn. Com nome inspirado nas runas nórdicas, o conjunto conta ainda com Carlos Reis (baixo) e Thomas Martinoia (bateria) e Hugo Chiaradia (Teclados). Seriam eles os deuses-prometidos do heavy metal no terceiro milênio?

Lineup do EP “The Final Solution”:

Rodrigo Rossi – Vocais
Fernando Campos – Guitarra
Carlos Reis – Baixo
Thomás Martinoia – Bateria

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários