Sandyalê lança Sua em videoclipe de terror

As tantas possíveis nuances, intensidades e tonalidades do amor são experimentadas em distintas eras pela artista pop sergipana Sandyalê.

Na Trilogia do Desapego, três videoclipes mostram uma reflexão sobre as relações com os outros e consigo mesma por meio de autoconhecimento, fantasias, projeções e até mesmo possessões.

A saga começa com o audiovisual vampiresco de Sua, canção lançada no final de 2020 via Aceleração Labsonica – Toca do Bandido. O videoclipe conta com direção de Raymundo Calumby (que também assina o roteiro e a produção) e Victor Lotfi, sendo acompanhada de um remix feito pela banda carioca ROSABEGE.

A estética de filme de terror norteia o clipe. Clássicos do gênero, como Drácula de Bram Stoker (de Francis Ford Coppola), O Exorcista e Nosferatu são referências para o ambiente de medo, exorcismos, transformação espiritual e tensão sexual pelo qual passam Sandyalê e o personagem masculino (Hélio Toste) do enredo.

O clipe também tem a participação da cantora e compositora Isis Broken, que no videoclipe interpreta uma sacerdotisa.

Aqui, o amor é o amor da possessão, da entrega, do apego e da dor. É um amor que Sandyalê vai subverter nos próximos dois videoclipes, que serão para as músicas ‘Bruta’ (do álbum Árvore Estranha, de 2019) e ‘Pensando em Mim’.

Calumby, o diretor, comenta que sentiu afinidade com Sandyalê desde as primeiras conversas. “A gente conhecia um pouco o trabalho um do outro, então sinto que já tínhamos uma confiança mútua, além de uma maluquice parecida. Sandy é uma pessoa muito aberta no processo criativo, então eu me senti muito livre para propor ideias mais ousadas”.

LEIA MAIS  Corey Taylor revela nova máscara no primeiro show do Slipknot em 18 meses

Já para a artista, a Trilogia do Desapego chega para ser um marco a sua carreira. “É também um marco de estética e de momento. Estou com a expectativa lá em cima, pois todos os clipes estão belíssimos”.

Sandyalê também fala da relação estabelecida entre a música e o videoclipe de Sua. “A música e o clipe se envolvem por falarem sobre amor, posse, entrega, paixão, romance. É um filme de amor e terror. Os dois na mesma dosagem”.

A versão remix de Sua será lançada via Toca Discos uma semana após o videoclipe, em 19 de março, nas plataformas digitais.

Ficha Técnica

Uma produção Farofa Sintética
Direção: Raymundo Calumby e Victor Lotfi
Roteiro: Raymundo Calumby
Direção de fotografia e câmera: Vicente Otávio
Assistência de fotografia: Alisson Mota
Direção de arte: Allan Wallace e Kayque Barros
Montagem: Bernado Serpa
Colorização: Pedro Saviolli
Figurino: Raymundo Calumby, Rogério Valença e Guma
Maquiagem: Jalisson Depulse
Cabelo: Pedro Hugo
Produção Executiva: Raymundo Calumby
Produção de Lançamento: Boca Produção & Comunicação

FONTE: Tedesco Comunicação e Mídia

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários