Saiba como uma das letras mais poderosas de Linkin Park aconteceu por acidente

Durante toda esta semana, estamos trazendo a você a história definitiva por trás do Hybrid Theory, d do Linkin Park.

No Instagram da Kerrang!, Mike Shinoda, Brad Delson e Joe Hahn estão compartilhando três músicas por dia, fornecendo uma visão única de um dos álbuns mais importantes do rock.

Uma das faixas dissecadas hoje é o single icônico do Linkin Park, ‘Crawling’. Durante o qual, o vocalista Mike Shinoda revelou como uma das letras mais famosas da música ‘Fear is how I fall’ veio de seu produtor Don Gilmore mal interpretando uma de suas linhas originais.

“Eu sempre escrevi meus próprios raps”, explica Mike sobre o processo de composição das letras, “mas quando se tratava de todas as partes cantadas, algumas canções eu escreveria, algumas canções [Chester] escreveria, algumas canções que escrevemos juntos – mas geralmente era junto. Mesmo se eu escrevesse algo, o que acontecia com bastante frequência, quando eu dava a ele, nós repassávamos porque eu sempre quis que ele alterasse as palavras e tornasse suas próprias palavras, para que quando ele cantasse, sua personalidade estivesse lá. Já a ‘Crawling’ foi o oposto, onde escreveu muitas dessas letras”.

LEIA MAIS  Punhal une o melhor do hardcore e crossover nacional no lançamento de "Entropia"

Depois de terminar outra rodada de letras e gravações, a banda estava procurando feedback do produtor Don. “[Chester] escreveu a frase ‘Fear is powerful’ no refrão”, diz Mike. “Nós estávamos tipo, ‘o que você achou da nova letra, como você gostou da música até agora’, e Don disse, ‘É boa, eu realmente gosto daquela frase ‘Fear is how I fall’, e nós dois estávamos tipo, ‘oh sim, essa linha!’ (risos). Cara, ele acabou de ouvir errado! E ele ouviu uma grande frase por acidente. Mais tarde, aprendemos a sempre ouvir uma música e – mesmo se estivéssemos fazendo um canto aleatório sem palavras reais – você poderia ouvir alguém cantando jibber-jabber e ouvir palavras reais nela e encontrar boas joias”.

FONTE: https://www.kerrang.com/

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários