Rob Halford, do Judas Priest, diz que uma vez tentou seduzir Paul Di’Anno, ex-Iron Maiden

Rob Halford diz que uma vez tentou seduzir o ex-vocalista do Iron Maiden, Paul Di’Anno.

O cantor do Judas Priest fez a revelação em sua autobiografia, “Confess”, que já foi descrita pelo The Telegraph do Reino Unido como “uma das memórias mais cândidas e surpreendentes do ano”.

No livro, Halford se lembra de ter convidado Di’Anno a voltar para seu quarto de hotel quando o Maiden apoiou o Priest em uma turnê em 1980. Pouco antes da caminhada, Di’Anno foi citado em um jornal musical como tendo dito que o Maiden iria “explodir o Priest” na caminhada, uma declaração que irritou o então guitarrista K.K.

Halford escreve, de acordo com a Metal Hammer: “Nós realmente não saímos e brincamos muito com o Maidennaquela turnê, mas talvez eu tenha interpretado o comentário de Di’Anno de que ele tiraria o Priest do palco muito literalmente… porque numa noite em que ficamos bêbados juntos, tentei seduzi-lo! Fomos para o meu quarto continuar a beber, mas eu estava muito chateado para tentar qualquer coisa, e ele estava muito chateado para saber o que eu queria experimentar. “Acho que foi definitivamente o melhor”.

Halford declarou publicamente sua homossexualidade em 1998, durante uma aparição no MTV News.

LEIA MAIS  Brigida lança "Visceras", single enraizado no grunge/punk dos anos 90

Alguns anos atrás, Rob disse ao The Press of Atlantic City que esperava que os fãs de metal o alienassem quando ele falou pela primeira vez sobre sua orientação sexual. “Provavelmente me iludi pensando que seria rejeitado”, disse ele. “Nada poderia estar mais longe da verdade”.

Ele continuou: “Quando você faz essa escolha de sair e enfrentar a questão da revelação, você cria esse tipo de medo negativo auto-imposto. É uma pena que isso ainda aconteça hoje. ‘Eu saio e digo que sou gay? cara?’ Mas você tem que fazer isso e viver sua vida nos seus termos e nos termos de ninguém mais. Não diga que você não pode fazer isso e que está preocupado com a possibilidade de as pessoas serem ofendidas. Se elas o afastarem, elas o afastarão. Agarre a vida pelos chifres e diga a eles: ‘Aceite-me pelo que sou e quem eu sou, e se você não gosta, isso é coisa sua. Não minha'”. E acrescentou: “Se eu estivesse na banda naquela época… acho que quando aconteceu foi um bom momento. Os fãs foram incríveis”.

FONTE: https://www.blabbermouth.net/

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários