Punhal lança lyric vídeo de “Só não vence quem não quer”

A banda carioca de hardcore, Punhal, lança lyric vídeo de “Só não vence quem não quer”, faixa do seu novo álbum, Entropia, lançado recentemente pelo selo latino-americano Electric Funeral Records.

A faixa, que abre o álbum, é um crossover, com fortes influências de bandas como The Exploited e The Casualties.

A letra aborda a temática da precarização do trabalho e constante diminuição de direitos trabalhistas provocada por políticas neoliberais na sociedade contemporânea. Ouça aqui.

Como conta Amaury, baixista da Punhal e compositor da faixa; “Estávamos em estúdio, ensaiando as músicas que tínhamos e discutindo novas composições. Havíamos acabado de tocar ‘Trabalhadores, uni-vos’, faixa que está também no álbum Entropia. Um amigo, que estava presente no ensaio, observou que ‘Trabalhadores’ tratava do empregado que ainda teve a sorte de ser contratado seguindo a CLT e sugeriu que fizéssemos uma música que falasse da situação do trabalhador atual, aquele que tem cada vez menos direitos, como o motorista ou entregador de aplicativos, por exemplo. Usando inspiração do filme ‘Você não estava aqui’, do diretor britânico Ken Loach, acabei escrevendo essa letra que acho que fala muito sobre os anseios do mundo do trabalho contemporâneo. Somos chamados de empreendedores, colaboradores, seja lá qual for o termo, mas nunca pela palavra que realmente traduz nossa situação: explorados!”.

A faixa e o clipe também denunciam a romantização dos sacrifícios feitos por trabalhadores, por meio da forte ironia do título. Amaury comenta: “É bem comum nos depararmos com matérias em jornais ou telejornais que mostram trabalhadores enfrentando desafios que não deveriam enfrentar, vivendo vidas com pouca ou nenhuma dignidade. A grande mídia apresenta tais situações como se os trabalhadores que conseguem superar tais obstáculos sejam os exemplos a serem sempre seguidos. Mas não dizem que estes são a exceção à regra. É papel do Estado e da sociedade lutar para que tais obstáculos sequer existam. A mídia segue o discurso neoliberal de retirar os deveres do Estado para com o cidadão e jogar única e exclusivamente a responsabilidade por seu sucesso em ações individuais. Daí vem o título ‘Só não vence quem não quer’, noção que é uma grande falácia do pensamento neoliberal. Somos uma sociedade complexa, dependemos uns dos outros. Isso ficou mais claro durante a pandemia!”.

LEIA MAIS  Arequipa lança single “O Tempo” e anuncia álbum para dezembro

O full lenght “Entropia” conta com 16 faixas, sendo que quatro destas faixas já foram lançadas como singles e em um EP. A versão física trará uma faixa bônus, especialmente feita para dialogar ainda mais com o momento atual que vivemos em nossa história. O disco foi gravado, mixado e masterizado no HCS Estúdio, produzido por Marco Anvito e Punhal, e a capa, criada por Wendell Lavor e Ana Cláudia “Cacá” da Agência Le Panda, mostra o conceito criado pelo baterista, Roberto Leonan: uma forte explosão ligada a raízes plantadas no solo.

FONTE: Collapse Agency

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários