Kerry King diz que o Slayer parou muito cedo: “Eu odeio não tocar”

Menos de dois anos depois de seu último show, Kerry King afirmou que o Slayer se aposentou “muito cedo”.

Em um vídeo repleto de estrelas celebrando o 30º aniversário de outros ícones do metal, Machine Head, esta semana, o guitarrista expressou seu orgulho pelas bandas que alcançaram a marca de três décadas – uma conquista que o Slayer também alcançou em seu tempo.

No entanto, ele passou a dizer que, no front do Slayer, a banda “saiu muito cedo”. “Então, parabéns aos meus amigos no Machine Head”, anunciou Kerry. “Aparentemente, são 30 anos, o que é uma grande conquista. Não são muitas as bandas que chegam lá… Chegamos, e saímos cedo demais. Foda-nos – eu sei. Foda-me. Eu odeio não tocar, porra”.

Antes de encerrar o dia, o empresário de longa data do Slayer, Rick Sales, admitiu que não estava “pressentindo” uma futura reunião “de forma alguma”. “Vamos acabar com a turnê”, disse ele. “Tenho algumas ideias [para projetos futuros], mas ainda não tomamos nenhuma decisão. No momento, eles estão preocupados com o fim e imagino que seja emocionante. É emocionante para mim.

LEIA MAIS  Conheça "Midnight Rainbow", o primeiro videoclipe oficial da banda Midgard

“Eles vêm fazendo isso há muito tempo”, acrescentou. “Eles apenas disseram:‘ Ok, isso é o suficiente’. “Minha analogia é Jerry Seinfeld, que provavelmente teve o maior programa de TV quando saiu por cima. Eu respeito a banda pela decisão. Se você vai fazer isso, este é o caminho”.

FONTE: https://www.kerrang.com/

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários