Joan Jett: eu não me sentiria confortável em turnê agora

Joan Jett diz que não se sentiria confortável em fazer uma turnê agora devido à pandemia de coronavírus.

O COVID-19 causou caos no cenário da música ao vivo, embora sua turnê de verão com Motley Crue, Def Leppard, Poison e Tuk Smith & The Restless Hearts ainda esteja programada para acontecer na América do Norte.

Mas em uma nova entrevista ao SiriusXM, Jett diz que fazer turnê no momento não seria certo devido à situação em andamento.

Ela diz: “Eu não me sentiria confortável, apenas não me sentiria. Eu não me sentiria confortável em colocar a banda ou minha equipe nessa posição. Eu realmente não tenho esse direito de mexer com suas vidas assim. Não estou dizendo que é uma decisão fácil – sei que as pessoas estão lutando em todo o país com o que fazer e como fazê-lo. Claro que quero tocar assim que pudermos. Ouvi dizer que existem algumas idéias, como um drive-in, onde ainda é possível ver música ao vivo. É um passo que eu gostaria de dar, mas ainda não são as pessoas juntas e isso vai demorar um pouco”.

LEIA MAIS  Manifestos sonoros contra o assédio: ouça novo disco da La Burca

Jett acrescenta: “Quando as pessoas se sentirem seguras para ficarem juntas, espero que todos nos sintamos da mesma maneira. Se as coisas estiverem seguras, eu estaria interessada, mas obviamente isso significa testar, mas você precisa continuar fazendo isso”.

No mês passado, Tommy Lee, do Motley Crue, fez check-in para dizer que os preparativos para a turnê continuavam, que seriam os primeiros shows ao vivo da banda desde a passagem de ano de 2015. A turnê deve começar em Jacksonville em 18 de junho e terminar em Los Angeles em 5 de setembro.

FONTE: https://www.loudersound.com/

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários