Guitarrista brasileiro arrebenta com “Sweet Child o’ Mine”, do GNR, tocada com os pés

O guitarrista brasileiro Johnatha Bastos não tem braços, mas pode sem esforço arrebentar com solos de guitarra inspiradores e tocar perfeitamente a totalidade de “Sweet Child o ‘Mine” do Guns N’ Roses e fazer muito mais com o instrumento. Isso porque ele o faz com os pés.

Esta semana, a atuação de Bastos foi destaque no Instagram pelo Masters of Shred, trazendo o talento dos músicos para muitos nas redes sociais. Dois meses antes, o roqueiro compartilhou no YouTube um clipe dele arrasando na clássica música Appetite for Destruction.

Nele, Bastos não apenas cria a introdução inconfundível de Slash e dá o dia por encerrado; ele executa toda a música com fluidez. “Uma salva para o Human Shred Extraordinaire do Brasil, o Poderoso @jbastosoficial“, Masters of Shred compartilhou na quinta-feira (10 de junho) ao lado de um vídeo diferente do músico se apresentando e delirou como Bastos está “provando que NADA é impossível enquanto ele faz sua [guitarra] CANTAR com um solo de cair o queixo… com seus pés! Esse cara consegue mais vibrato com os pés do que muitos músicos fazem com seus dedos!”.

LEIA MAIS  Cientistas batizam novos fósseis em homenagem a Gojira

Tocar guitarra com os pés, especialmente para quem não tem braços, não é um fenômeno novo – no entanto, ainda é bastante incomum de ver. No passado, músicos como o artista cristão de Nicaraugaun Tony Meléndez, que também não tem braços, construíram suas carreiras com base no talento de seus pés como guitarristas. Mas não importa quem está fazendo a apresentação, pegar um talento que normalmente se pode realizar com as mãos e adaptar para os pés é uma conquista formidável por si só. Para quem não tem mãos ou braços, dominar essa técnica é realmente uma notável demonstração de espírito.

FONTE: https://loudwire.com/

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários