OPES APRESENTA BOHEMIAN RHAPSODY

Loading Map....

DATA / HORA
02/04/2020
21:30

PREÇO
R$45 (meia) - R$90 (inteira)

LUGAR
Vivo Rio


A trilha sonora de um dos filmes mais vistos em 2019 será interpretada em formato sinfônico pela Petrobras Sinfônica no próximo dia 02/04. O concerto “Bohemian Rhapsody”, com as músicas do longa-metragem homônimo, que mostra a trajetória de Freddie Mercury e seus companheiros da banda Queen, será apresentado no Vivo Rio. A regência será de Felipe Prazeres.

Clique AQUI para conferir a página oficial do evento.

Freddie Mercury e seus companheiros Brian May, Roger Taylor e John Deacon mudaram o mundo da música ao formar a banda Queen, durante a década de 1970. Narrando a história de um dos principais grupos de rock da época, desde a sua criação até o falecimento de Mercury, o filme “Bohemian Rhapsody” foi um sucesso de público e crítica, sendo vencedor de quatro estatuetas no Oscar.

Na programação, músicas como “Bohemian Rhapsody”, canção escrita por Freddie Mercury para o disco “A Night at the Opera” (1975); “Love of my life”, que também integra o mesmo álbum e foi interpretada pela banda na primeira edição do Festival Rock in Rio, sendo lembrada como um dos momentos mais marcantes do evento; “Under Pressure”, que marcou a parceria entre o Queen e David Bowie; “We Are the Champions”, considerada a música de maior sucesso oa grupo; além de “Don’t Stop Me Now”, “We Will Rock You”, entre outras.

Após turnê pelo Brasil, passando por São Paulo, Santos, Vitória e Brasília, os concertos “Bohemian Rhapsody” e “Balão Mágico Sinfônico”, integram uma série de iniciativas da Petrobras Sinfônica para democratizar a música clássica e renovar o público do gênero. Nessa mesma linha, a Orquestra já apresentou concertos como “Ventura” (Los Hermanos), “Thriller” (Michael Jackson), “Dark Side of the Moon” (Pink Floyd), “Black Album” (Metallica), os infantis “O Mágico de Oz”, “O Pequeno Príncipe”, “Os Saltimbancos”, entre outros.

SOBRE A ORQUESTRA PETROBRAS SINFÔNICA

Aos 47 anos, a Orquestra Petrobras Sinfônica se consolida como uma das mais conceituadas do país e ocupa um lugar de prestígio entre os maiores conjuntos musicais da América Latina. Criada pelo maestro Armando Prazeres em 1972 e patrocinada pela Petrobras desde 1987, a orquestra conta com uma formação de mais de 80 instrumentistas e tem como Diretor Artístico e Regente Titular o maestro Isaac Karabtchevsky, o mais respeitado regente brasileiro e um nome consagrado no panorama internacional.

Modelo de gestão: A Associação Orquestra Pró Música do Rio de Janeiro, entidade que administra a orquestra, possui uma proposta administrativa inovadora, sendo a única orquestra do país gerida por seus próprios músicos.

Sobre a PETROBRAS: A Petrobras completou 33 anos de patrocínio da Orquestra Petrobras Sinfônica em 2019. Uma parceria essencial para mantê-la entre os principais conjuntos da América Latina, sempre desenvolvendo um importante trabalho de democratização da música clássica e de renovação do público do gênero.