Entrevista com a SAKRAH

1. Olá banda! Conte-nos como surgiu a idéia de formar uma banda?

Sakrah: O Sakrah foi formado em 2009. Todo mundo da banda já tem história e bagagem, mas estávamos querendo fazer um som que a gente gosta de ouvir. Aí, surgiram os primeiros riffs, com as influências de tudo que a gente ouve diariamente. A intenção sempre foi de montar uma banda e não um projeto, por isso a gente leva muito a sério e se dedica 24 horas por dia na banda, compondo, criando, divulgando, etc. A gente faz tudo com calma e foco, pra poder deixar tudo sincero e bem feito, em respeito a quem curte o som.

Hoje nós mesmos somos fãs da banda! Então isso facilita na criação e na honestidade do som.

2. Que tipo de dificuldades vocês enfrentaram para conseguir a primeira oportunidade de gravar o primeiro EP?

Sakrah: Na verdade tudo rolou tranquilo, não tivemos nenhuma dificuldade, foi na verdade um prazer do começo ao fim. A gente conta com umas parcerias legais como o MAD STUDIOS, onde gravamos e isso ajudou muito.

3. O nome da banda tem alguma coisa relacionada à arte Sacra ou foi só coincidência?

Sakrah: O nome é uma brincadeira com a palavra “sacra”, tendo em vista as coisas horríveis que vemos nesse meio.

4. Que bandas costumam ouvir quando estão em casa e quais delas influenciam na sonoridade de vocês?

Sakrah: Gostamos muito de Down, Lamb Of God, Black Label Society, SOAD, Machine Head, Biohazard, Testament, Pantera, Sepultura, Atomship, Clutch, In Flames, Killswitch Engage, etc.

5. Já pensaram em desistir por algum problema ou sempre enfrentaram tudo com muita garra?

Sakrah: O metal nacional é bem sofrido né? rs .. mas, desistir nunca pensamos, porque é isso que gostamos de fazer e temos amor e orgulho da banda.

As dificuldades geralmente desaparecem quando a gente ouve a resposta da galera em relação à banda, que até hoje foram muito boa!

6. O que diriam para os leitores que estão lendo está entrevista e que querem montar uma banda?

Sakrah: Primeiro, NÃO COPIE ninguém! rs Seja você, tenha suas influencias sim, mas não tente fazer seu som pensando em ser igual a isso ou aquilo.

Faça seu som do jeito que gosta e respeite seus limites, não ouça criticas como ofensas e sim como crescimento.

Principal: Parece clichê, mas é verdade, NUNCA DESISTA! Acredite no seu som!

Importante: Não pense em competir com outras bandas e sim se unir a elas!

O resto vem naturalmente.

7. Nós agradecemos a oportunidade em entrevistá-los. Gostariam de deixar um recado para os fãs?

Sakrah: O prazer foi todo nosso, galera!! Parabéns pelo trabalho e obrigado pela oportunidade!

Para os fãs, gostaríamos de agradecer o carinho e a parceria! Nós estamos trabalhando duro na banda para fazer o melhor pra vcs!

Logo mais CD na mão! Esperamos os feedbacks e a presença de vocês nos nossos shows!

By Milena Calado

DEIXE SEU COMENTÁRIO: