Corey Taylor está “brincando com a ideia de escrever um musical”

Durante uma aparição na manhã de hoje (terça-feira, 9 de fevereiro) no canal Talkulture Twitch, o vocalista do Slipknot e do Stone Sour, Corey Taylor, revelou que está “brincando com a ideia” de escrever um musical.

Ele disse: “[seria] como um musical de verdade; não [Monty Python] ‘Spamalot’ ou qualquer coisa assim. Porque eu meio que adquiri o hábito de fazer álbuns conceituais, obviamente, então eu sei como amarrar uma história. E tenho brincado com a ideia de escrever um musical baseado nas pessoas com quem passei grande parte dos meus 20 anos em Des Moines [Iowa] – como minha equipe e como todos nos encontramos, como os desajustados se juntaram e se encontraram, e nós meio que salvamos um ao outro”.

“Todos nós viemos dessas bolas malucas de abuso emocional e negligência e lidar com problemas, mas não sabíamos quais eram os nomes dos problemas”, continuou ele. “A única coisa que nos salvou foi o fato de que nos reunirmos nos fez sentir como se não estivéssemos sozinhos. E nos fez sentir que se tivéssemos um ao outro como apoio e como amigos e como alguém para conversar, talvez pudéssemos trabalhar nosso caminho através disso. E naquele tempo, eu estava exposto a tudo – tanta música nova, tanta música diferente, tanta literatura nova, filmes. Foi o catalisador para tudo o que sou agora”.

“Portanto, é uma ideia que venho pensando”, acrescentou Corey. “Porque sou um cabeça-dura, não sei se vou conseguir fazer isso. Mas é definitivamente algo pelo qual me sinto definitivamente mais apaixonado agora do que há cerca de 10 anos, quando pensei nisso. Na verdade, estou ficando mais confiante agora em definitivamente tocar piano, que é onde eu iria escrever. Seria apenas algo como outro projeto de paixão, só para ver o que aconteceria”.

Taylor tem falado muito sobre seu amor por musicais, dizendo ao Music Radar em uma entrevista de 2013 que “Les Misérables” é seu musical favorito de todos os tempos. “‘Les Miz’ não é apenas meu musical favorito, mas também minha história favorita”, disse ele. “Eu amo o livro, que li quando criança e me identifiquei muito com Jean Valjean. A luta para descobrir quem você é, para sair das trevas e se esforçar para ser uma pessoa melhor – é o que nos últimos 10 anos da minha vida tem sido sobre. Até hoje, posso ouvir a trilha sonora e me perder nela”, acrescentou. “Há músicas nele que me fazem chorar. Isso foi anos antes de Susan Boyle aparecer e fazer sua versão de ‘I Dreamed A Dream’. Se você realmente quer sentir alguma merda séria, ouça a versão que está passando este álbum. Se você não acabar em lágrimas, você não tem uma alma”.

LEIA MAIS  Eric Martin confirma show no Rio de Janeiro em março de 2022

O álbum solo de estreia de Taylor, “CMFT”, foi lançado em outubro. Corey gravou o esforço com sua banda composta por Jason Christopher no baixo, Dustin Schoenhofer na bateria e Zach Throne e Christian Martucci (Stone Sour) na guitarra. O LP foi concluído no The Hideout Recording Studio de Kevin Churko em Las Vegas com o produtor Jay Ruston, que já trabalhou com Anthrax, Steel Panther e Stone Sour, entre outros.

Em novembro, Corey disse à “Good Company” que o Slipknot está “pensando em lançar outro álbum talvez [em 2021]. Mas eu não sei”, disse ele. “Não sei qual é o plano ainda. Mas sei que estávamos falando sobre fazer isso, porque só temos um álbum sobrando em nosso contrato [com nossa gravadora]”.

FONTE: https://www.blabbermouth.net/

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários