Brian May ataca as estrelas do rock que são anti-vacina

O guitarrista do Queen, Brian May, rotulou estrelas do rock anti-vacina, como Eric Clapton, Ian Brown e Richard Ashcroft como ‘fruitcakes’ e deu um veredicto condenatório sobre a forma como o primeiro-ministro britânico Boris Johnson lidou com a pandemia de COVID-19, dizendo que “milhares” morreram por causa das “más decisões que Boris tomou”.

“Acho que seria impossível para alguém tomar decisões piores do que Boris”, disse May em uma nova entrevista para o The Independent.

“Em todos os pontos ele fez muito pouco, muito tarde. Centenas, senão milhares de parentes nossos morreram por causa de maus conselhos e por causa das más decisões que Boris tomou com [o ex-secretário de Estado de Saúde e Assistência Social, Matt] Hancock e outras pessoas. Se ele tivesse tomado as precauções de fechar as fronteiras um ano antes, não estaríamos na situação em que estávamos”.

“E o fato de que ele está disposto a trocar vidas abertamente por ganhos econômicos, considero horrível… completamente inaceitável”, acrescenta May. “É como Winston Churchill saindo em seu jardim e vendo os aviões e os corpos e dizendo ‘as bombas estão caindo! As bombas estão caindo! Devemos nos esconder? Não, na verdade, vamos pensar nas consequências econômicas de se esconder…’”.

May é igualmente desdenhoso das posturas tomadas por Eric Clapton, o ex-vocalista do Verve Richard Ashcroft e o cantor do Stone Roses Ian Brown, que insistiram que não farão shows em que o público seja obrigado a mostrar “passaportes COVID” para ser admitido.

LEIA MAIS  WRY antecipa novo disco com single e clipe “Where I Stand”

Entrevistado pelo escritor de Classic Rock, Mark Beaumont, May balança a cabeça quando menciona Clapton e outras estrelas do rock questionando a segurança das vacinas COVID-19. “Eu amo Eric Clapton, ele é meu herói, mas ele tem pontos de vista muito diferentes de mim em muitos aspectos”, diz May. “Ele é uma pessoa que acha que não há problema em atirar em animais para se divertir, então temos nossas divergências, mas eu nunca deixaria de respeitar o homem”.

“Pessoal antivax, me desculpe, acho que eles são ‘fruitcakes’”, May continua. “Existem muitas evidências que mostram que a vacinação ajuda. No geral, eles estão muito seguros. Sempre haverá algum efeito colateral em qualquer medicamento que você tomar, mas andar por aí dizendo que as vacinas são uma conspiração para matá-lo, sinto muito, isso vai para o pote de bolo de frutas para mim”.

FONTE: https://www.loudersound.com/

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários