Blackie Lawless, do W.A.S.P, faz tributo ao Bob Kulick

O vocalista Blackie Lawless, do W.A.S.P, compartilhou sua homenagem ao guitarrista Bob Kulick, com quem trabalhou nos álbuns “The Crimson Idol” e “Still Not Black Enough”.

Kulick é mais conhecido por seu trabalho com o KISS, incluindo os álbuns solo de Paul Stanley em 1978, além de participações em “Alive II”, “Unmasked”, “Killers” e muito mais.

Ele morreu no dia 29 de maio, aos 70 anos. Lawless foi ao Facebook compartilhar o seguinte tributo: “Quando vozes que sabemos são silenciadas de repente, somos deixados atordoados e solenes. Um talento extraordinário agora foi silenciado. Tenho uma grande dívida de gratidão a quem apelidei de ‘3 dias de Bob’. Não tenho certeza se ele alguma vez saberá o quanto seu talento era admirado por seus colegas e pelo mundo”.

LEIA MAIS  Gabriel Grossi Quarteto transforma “Smells Like Teen Spirit” em jazz

“À medida que o tempo passa em nossas vidas, refletimos sobre o que tivemos, perdemos e do que sentiremos mais falta. Tive a sorte de ter trabalhado com ele e de passar um tempo com ele indo aos jogos dos Yankees. Falávamos mais sobre beisebol que música. Seus dons notáveis ​​deixaram uma marca única e indelével na minha carreira e na minha vida. Eu sempre terei esses discos para voltar e ouvir se quiser ouvi-lo falar. Mas se você quer saber quem ele realmente era, apenas ouça a música que ele fez. Poucos, e eu digo poucos, conseguiram fazer o que esse homem fez com um instrumento. “Eu usei a palavra mais cedo… mas devo usá-la novamente… EXTRAORDINÁRIO!!”.

FONTE: https://www.antimusic.com/

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários