Assista ao show da Vixen na Flórida

No início deste mês, a guitarrista do Vixen, Brittany Denaro (também conhecida como Britt Lightning), falou ao Talking Metal sobre o progresso das sessões de composição do próximo álbum de estúdio da banda.

“Bem, está indo um pouco mais devagar do que tínhamos previsto”, disse ela. “Antes do COVID, tínhamos várias sessões de escrita, pessoalmente agendadas, onde todos nós apenas nos reuníamos, saíamos e trabalhamos nas coisas.

“Todos nós vivemos em diferentes estados do país, na verdade – de Los Angeles a Michigan e Flórida – estamos muito espalhados”, explicou ela. “Portanto, não é fácil viajar. E, honestamente, ninguém está super entusiasmado em enviar faixas para frente e para trás, tentando gravá-las separadamente e tudo o mais. Então, diminuímos um pouco o ritmo. Mas temos algumas ótimas ideias. Estaremos nos vendo em algumas semanas, então estamos realmente ansiosas para voltar aos trilhos e apenas terminar a composição para que possamos entrar no estúdio e começar tudo isso. Estou muito ansiosa para mande fazer. Sei que já falamos sobre isso há algum tempo”.

Questionada sobre a direção musical do novo material do Vixen, Britt, que está na banda desde 2017, disse: “Definitivamente será Vixen tradicional. Quando você ouvir, acho que saberá que é Vixen. Estamos vou continuar com as grandes harmonias de três partes, os refrões grandes e cativantes, riffs e solos legais de rock e aquele baixo forte e, claro, o som incrível de Roxy [Petrucci, bateria]. Acho que será um pouco moderno torcer talvez – acho que talvez traga isso um pouco, mas fui tão influenciada pela Vixen e outras bandas daquela época que acho que vai ficar consistente. E nós queremos isso – não queremos que os fãs sejam, tipo, ‘O que diabos é isso? Esta não é a banda que eu amo’. Mas acho que vai ser uma boa combinação”.

Os comentários de Britt ecoam aqueles feitos pela cantora do Vixen Lorraine Lewis, que disse ao Metal-Net em novembro passado que o novo material da banda “sempre vai soar como a Vixen no que diz respeito às harmonias – [o que é] muito importante para nós – mas muito novo. Muito de mensagens, muito do que tem sido nossa jornada como mulheres individuais. E estamos todas meio que juntando nossos cavalos, e estou muito animada. Estou simplesmente feliz por estar no estúdio novamente”.

LEIA MAIS  Faces of Death: confira a performance de "Live Rehearsal - A Drink With The Death"

“Não temos isso cem por cento mapeado”, admitiu Lorraine. “No momento, ainda estamos no processo de composição, ainda estamos trabalhando nas coisas – muitas letras e meio que compartilhando-as com todos nós. Compartilhando refrões com o [produtor] Fred [Coury do Cinderella]. Ele diz: “Sim, este é um ótimo refrão. Vamos trabalhar nisso”. Então, estamos muito, muito felizes e orgulhosas de trabalhar com ele. Ele acredita em nós e acredita em mim, o que eu realmente amo. Tivemos algumas ótimas conversas no estúdio e outras, como com Britt lá, e ele apenas dizendo, ‘Vocês têm tudo para vocês. Vocês têm uma banda incrível. Vocês são uma banda de legado. E vocês têm Lorraine fazendo vocais para vocês’. E eu agradeço muito que ele acredite em mim e pense que eu posso cantar qualquer coisa. Quando Fred lhe diz que você pode fazer qualquer coisa, você acredita. Então, estou muito animado para ir para o estúdio e trabalhar com ele. E estou muito honrada que ele tenha dito algumas das coisas que ele disse para mim. Então, o céu é o limite aqui’.

FONTE: https://www.blabbermouth.net/

guest
0 Comentários
Sugestões
Veja todos os comentários